Conta Mais: CFC lança podcast no Dia Internacional da Mulher

Conta Mais. Esse é nome do Podcast que o Conselho Federal de Contabilidade lança no dia 8 de março, no Dia Internacional da Mulher. O programa será exibido na plataforma Spotify e para ouvir basta seguir o Conselho Federal em CFCBSB – Conta Mais.

Dividido em quatro episódios, que fazem referência à campanha do CFC “Mulheres que Contam”, o primeiro terá como convidada a presidente da Academia Brasileira de Ciências Contábeis e da Associação Interamericana de Contabilidade (AIC), Maria Clara Cavalcante Bugarim. No bate-papo, entre vários assuntos, Clara falou sua trajetória profissional e o desafio que foi liderar o Conselho Federal de Contabilidade por duas gestões.

Os episódios do “Mulheres que Contam” serão veiculados na semana de comemoração ao Dia Internacional da Mulher. No dia 9 (terça-feira), as convidadas serão Gildenora Milhomem, Auditora Federal de Finanças e Controle da STN; e Célia Sacramento, contadora, advogada, professora da UFBA e ex-vice-prefeita de Salvador (BA). No dia 10 (quarta-feira), será vez das contadoras Zenaide Carvalho, pós-graduada em Psicologia do Marketing e em Auditoria e Controladoria; e Ludmila Hasternreiter, criadora da startup Empoderamento Contábil.  E para finalizar a série, o quarto episódio contará com as presenças de Mônica Foerster, (IFAC) e Ana Maria Elorrieta (IFAC). Os episódios vão ao ar ao meio dia.

Para ouvir Podcast do CFC – Conta Mais clique aqui.

Fonte: Comunicação CFC

Dia Internacional da Mulher: CRCRS reúne em live mulheres pioneiras e protagonistas em suas respectivas áreas de atuação

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, o CRCRS convidou para participar de uma live, no próximo dia 9 de março, quatro mulheres pioneiras em seus cargos – até então, ocupados somente por homens –, e que protagonizam iniciativas nas suas respectivas áreas de atuação. São elas: as presidentes do Conselho Regional de Contabilidade do RS (CRCRS), Ana Tércia L. Rodrigues; da Associação Interamericana de Contabilidade, Maria Clara Bugarim; da Junta Comercial, Industrial e de Serviços do RS, Lauren Momback; e a chefe de Polícia Estadual do RS, Nadine Anflor. A moderação do evento ficará a cargo da coordenadora do CRCRS Mulher, Aline Gauer.

Na oportunidade, vamos conhecer os desafios enfrentados por essas mulheres para alcançarem seus objetivos; o que as impulsionou a lutarem por seus ideais e a disputar cargos de destaque; os fatos marcantes da trajetória de cada uma; e muito mais.

O objetivo é promover um debate consistente, baseado em fatos contemporâneos, que incentive as mulheres a buscarem seu espaço, por meio do conhecimento, da coragem e da persistência.

Em relação ao Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, a presidente Ana Tércia, em artigo publicado no JC Contabilidade, em 3 de março, define a data, assim: “Não se trata de comemorar uma data festiva. Se trata de resgatar o que, num passado recente, não passava de um sonho, um ideal,” e prossegue, contextualizando: “Este é um momento de desafios, de protagonismo e de compartilhar jornadas, uma mentoria do sucesso, para que cada uma se perceba trilhando o caminho rumo ao ápice do seu próprio sonho”.

Não perca esse megaevento. Oportunidade única de compartilhar as experiências dessas mulheres pioneiras, protagonistas e primeiras!

Mulher em Debate: [P]³ Pioneirismo e Protagonismo das Primeiras

9 de março – terça-feira, das 9h30 às 10h30

Transmissão pela plataforma Teams e TV CRCRS no YouTube

 

Conselho de Contabilidade cria comissão de estudos para tratar da diversidade e inclusão

Com o intuito de promover a discussão sobre diversidade e formar lideranças com perfis distintos, estabelecendo, assim, um ambiente de respeito e valorização das diferenças nos espaços de poder e decisão, o Conselho Regional de Contabilidade do Rio Grande do Sul criou, este ano, a Comissão de Estudos CRCRS Plural e Inclusivo.
Atualmente, em decorrência do isolamento social imposto pela pandemia, os seis profissionais que integram a comissão trabalham de forma on-line. Planejam um projeto na área da educação e uma publicação, que vai circular até o final do ano.
A coordenadora da comissão, contadora Cristiane Domingues de Souza, destaca a vanguarda do CRCRS ao tratar de temas tão delicados, como inclusão e diversidade. “É um desafio, mas como um conselho de classe que representa diferentes tipos de pessoas, estamos passando uma mensagem para todos os profissionais da contabilidade e para a sociedade, de que não há mais lugar para nenhum tipo de preconceito, pois a diversidade é um fator chave de sucesso, também no mundo do trabalho e nos negócios”, afirma a contadora.
Além da coordenadora Cristiane Domingues, também atuam na comissão, de forma voluntária, os contadores Alexssander Nascentes da Silva, Eduardo Fank Saldanha, Eliane Rodrigues Soares, Luis Fernando Sant’anna Silva e Norma Marlusa Lemos.

Prazo para entregar declaração do Imposto de Renda começa nesta segunda-feira. Conte com a orientação de um profissional da contabilidade!

Começa nesta segunda-feira, 1º de março, e estende-se até 30 de abril, o prazo para entrega da Declaração do Imposto de Renda de Pessoa Física (DIRPF). Este é um dos importantes momentos em que os contribuintes contam com os profissionais da contabilidade, os mais capacitados para orientá-los na prestação das informações de modo correto. Assim, poderão cumprir com segurança as exigências do fisco que, neste ano, apresenta algumas novidades.

Se de um lado a nova página da Receita Federal do Brasil está mais amigável, priorizando a visualização em dispositivos móveis e oferecendo facilidades para o preenchimento, de outro, quem recebeu qualquer valor do auxílio emergencial para enfrentamento da covid-19 estará obrigado a declarar sempre que a soma desse valor com os demais  rendimentos tributáveis recebidos em 2020 ultrapassar R$ 22.847,76. Confira os detalhes.

O vice-presidente de gestão do CRCRS, contador Celso Luft, alerta que os contribuintes que entregarem as declarações mais cedo e tiverem imposto a restituir, serão os primeiros a receberem a devolução. Ao todo, estão previstos cinco lotes de restituição antecipada, em 2021, nos dias 31 de maio; 30 de junho; 30 de julho; 31 de agosto; e, o último, em 30 de setembro. Outra mudança é que, além da conta corrente e da conta poupança, as contas de pagamentos também estarão autorizadas a receber a restituição.

O programa de preenchimento da DIRPF oferece oportunidade para um importante exercício de cidadania, com o preenchimento da Ficha para Doações Diretamente na Declaração para o Funcriança e Fundo do Idoso. Luft explica que, por meio de um DARF específico e de um link, o contribuinte pode escolher diretamente as instituições cadastradas, em 2020, e destinar até 3% do imposto devido para cada fundo. “O sistema sugere automaticamente o valor, sempre observando o limite geral de 6%”, esclarece o contador.

Também estão entre as novidades:

– IPRF pré-preenchida: agora, além do certificado digital (obrigatório para quem possui rendimentos tributáveis acima de R$ 5 milhões no ano), será possível obter dados dos dependentes via procuração eletrônica;

– Parcela isenta dos proventos de aposentadoria para maiores de 65 anos: se, no preenchimento da declaração, o rendimento isento ultrapassar o limite anual de R$ 24.751,74, o excesso será transmitido automaticamente para a Ficha de Rendimentos Tributáveis recebidos da Pessoa Jurídica;

– Bens e direitos: códigos para criptoativos

  • Código 81 – Criptoativos Bitcoin, BTC;
  • Código 82 – Outros Criptoativos Moeda Digital; Altcoins, Ether (ETH), XRP (Ripple), Bitcoin Cash (BCH) Tether (USDT),Chainlink (LINK) Litecoin (LTC);
  • Código 89 – Demais criptoativos; security tokens ou utility tokens;

– Para solicitar débito automático da 1ª cota do IR a pagar, será necessário transmitir a declaração até 10 de abril;

– Empregador doméstico: continua excluído o código 50 – contribuição patronal paga à Previdência Social. Não é mais dedutível, desde o ano passado, por falta de previsão legal;

– Ajustes no serviço Meu Imposto de Renda: agora é possível entregar a declaração on-line por meio de smartphones e tablets, inclusive para quem obteve ganhos líquidos de renda variável, com ações à vista e com fundos de investimentos imobiliários (FI). NÃO É PERMITIDO para quem recebeu rendimentos do exterior, apurou ganho de capital na venda de imóveis e obteve rendimentos recebidos acumuladamente.

Celso Luft explica que o processamento da declaração continua muito rápido. O contribuinte pode ter acesso ao status do andamento já no dia seguinte e, dessa forma, verificar e corrigir pendências. O resultado do processamento estará disponível no Meu Imposto de Renda (Extrato da DIRPF).

Analista-contadora da PGE-RS detalha em webinar os procedimentos de atualização dos Precatórios do Estado do RS

Os critérios de atualização dos precatórios, as formas de pagamento e os erros mais comuns nesse tipo de processo foram alguns dos aspectos abordados pela analista-contadora da Procuradoria-Geral do Estado do RS (PGE-RS), Sílvia Maria Moraes Chamun, no webinar “Índices de Atualização dos Precatórios do Estado do RS”, transmitido, na tarde de 25 de fevereiro, pela TV CRCRS, no YouTube. A mediação foi da coordenadora da Comissão de Estudos de Perícia Contábil do CRCRS, Sandra Rasquin Rabenschlag.

Ao apresentar a palestrante, Sandra salientou que Sílvia Chamun é uma grande conhecedora do tema e que atua diretamente na Câmara de Conciliação de Precatórios da PGE-RS. Ao final da apresentação, a coordenadora também destacou a relevância do tema.

De acordo com Sílvia Chamun, a matéria é importante não somente para os profissionais da contabilidade como de outras áreas e também para inúmeras pessoas que têm precatórios pendentes de pagamento pelo Estado. Ela explica que há três formas de pagamento: preferencial, para pessoas físicas; por meio do Programa Compensa, destinado a empresas; e via acordos, que são firmados na Câmara de Conciliação de Precatórios da PGE-RS.

Durante a palestra, a contadora-analista esclareceu particularidades sobre as condições para constituição dos acordos, formas e prazos de pagamentos, bem como sobre erros materiais verificados, por exemplo, em processos trabalhistas. Ela referiu-se, ainda, à retificação de erros de origem na base de cálculo dos processos e a questões como descontos previdenciários e saldos a serem recebidos após o pagamento de precatórios. Sobre os critérios de atualização, Sílvia Chamun esclareceu quais são os índices de correção monetária adotados para precatórios cíveis, trabalhistas e tributários e para faturas em atraso – caso dos contratos de prestação de serviços.

Confira a íntegra da palestra, na TV CRCRS, no YouTube.

Webinar orienta sobre a “Substituição das Assinaturas Eletrônicas na JucisRS”

A Junta Comercial, Industrial e de Serviços do Rio Grande do Sul (JucisRS) está inovando. A partir da próxima sexta-feira, 26, o órgão passa a usar o sistema de assinaturas avançadas, uma nova opção para assinar digitalmente os documentos. Para orientar os profissionais da contabilidade sobre as mudanças no funcionamento do processo adotado pela Junta, o CRCRS realizou, em parceria com a JucisRS e o Sescon-RS, o webinar “Substituição das Assinaturas Eletrônicas na JucisRS”, transmitido pela TV CRCRS no YouTube e pela plataforma Teams, com as participações da presidente da Junta, Lauren de Vargas Momback, e do coordenador técnico do convênio Empreendedor Digital, Alex Francisco de Oliveira Barbosa.

Na abertura, a presidente Ana Tércia destacou a importância de que a classe contábil se mantenha alinhada às mudanças propiciadas pela tecnologia e reiterou que, embora os negócios não possam parar em decorrência da pandemia, neste momento é essencial redobrar os cuidados com as pessoas.

As adversidades em função da Covid-19 também foram mencionadas pelo presidente do Sescon, Célio Levandovski, que se solidarizou com os colegas e as famílias que enfrentam esse problema. Na oportunidade, ressaltou, ainda, a relevância da parceria com o CRCRS para a realização de eventos importantes e agradeceu à JucisRS pela disponibilidade em orientar os profissionais sobre as alterações.

A assinatura avançada, que vem para substituir o certificado digital, tem todo o respaldo legal e é uma solução gratuita, oferecida ao cidadão, com a intenção de facilitar cada vez mais o registro de documentos e livros na JucisRS. A base legal é a Lei Nº 14.063/20, que dispõe sobre o uso de assinaturas eletrônicas em interações com entes públicos, em atos de pessoas jurídicas e em questões de saúde.

Para a presidente da JucisRS, Lauren Momback, essas assinaturas simplificarão as rotinas de quem quer empreender e trarão mais segurança para o processo de abertura de empresas no Estado. Trata-se de uma inovação que, ainda neste ano, será adotada por todas as juntas comerciais do País e que contribui para o crescimento das empresas, assegurou ela.

O passo a passo para obter e utilizar a assinatura avançada foi detalhadamente explicado pelo coordenador técnico do convênio Empreendedor Digital, Alex Barbosa. Ele orientou sobre como solucionar algumas das dificuldades mais comuns para obtenção do selo de confiabilidade que será necessário para acessar a assinatura avançada, via portal Gov.br. O acesso por meio de CPF e senha será extinto, mas, durante o período de transição, o certificado digital ainda poderá ser usado.

Entre as vantagens do novo sistema, Barbosa aponta a redução de custo para o cidadão, uma vez que não será mais necessário comprar um certificado digital; a linearidade do processo, já que não será mais exigido um certificado digital, mas, sim, o selo de confiabilidade e o código de segurança, mais facilmente obtidos pelo usuário; a facilitação de assinaturas para processos de grande volume; e o aumento de registro automático, entre outras.

O coordenador também deu orientações específicas direcionadas ao uso da assinatura avançada por profissionais da contabilidade, como a possibilidade de montar o processo no registro digital e adicionar assinantes; como acessar os documentos durante sua tramitação; e como encaminhá-los à JucisRS, após terem sido colhidas todas as assinaturas.

A presidente da JucisRS destacou, ainda, que o site do órgão dispõe de mais informações sobre as mudanças e que dúvidas podem ser esclarecidas por meio do Fale Conosco.

Com mais de 1.600 visualizações, o evento está disponível na TV CRCRS, no YouTube e o material apresentado está disponível no link bit.ly/3dEOs2E. Confira!

 

Palestra marca a abertura do Programa de Capacitação nas Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público

O Ibracon – Instituto dos Auditores Independentes do Brasil, o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) e a Secretaria do Tesouro Nacional (STN) realizarão no dia 3/3, às 9h00, por videoconferência, a Palestra inaugural do Programa de Capacitação nas Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público (NBC TSP).

A palestra inaugura o Programa de Capacitação nas NBC TSPs, uma parceria do Ibracon, do CFC, Ibracon e da STN, com objetivo de contribuir, gratuitamente, com o aprimoramento dos servidores públicos no processo de adoção das NBC TSPs no Brasil.

A palestra será conduzida por Bruno Funchal, secretário do Tesouro Nacional (STN). A abertura do programa será realizada pelo presidente do Ibracon, Valdir Coscodai e pelo presidente do CFC, Zulmir Ivânio Breda.

As informações sobre o Programa de Capacitação nas NBC TSPs, tais como, agenda, carga horária, conteúdo programático e abertura das inscrições, serão abordados durante a palestra.

Serviço:

Palestra inaugural do Programa de Capacitação nas Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público (NBC TSP).
Data: 3/3 – quarta-feira
Horário: 9h às 10h30 – ao vivo pelo horário de Brasília
Investimento: Gratuito – aberto a todos os públicos
Inscrições: Clique aqui.

Fonte: Ibracon