Presidente Palácios e vice-presidente Ana Tércia integram matéria sobre Dia do Contador, no Jornal da Contabilidade

Crise e oportunidades e as velozes alterações do mercado, entre outros aspectos, são debatidos pelo Jornal da Contabilidade, encartado na edição de hoje do Jornal do Comércio, com a participação do presidente do CRCRS, Antônio Palácios, e da vice-presidente de Gestão, Ana Tércia Lopes Rodrigues. A matéria faz referência ao Dia do Contador, comemorado em 22 de setembro.AAA1AAA2AAA3AAA4

Chega ao fim o grande encontro da contabilidade

Chegou ao fim, neste 15 de setembro, o grande encontro da contabilidade, que reuniu, no Serra Park, em Gramado, a XVI Convenção de Contabilidade do Rio Grande do Sul e o XI Encontro Nacional da Mulher Contabilista. Foram três dias de intensa convivência e abordagem de uma grande diversidade de assuntos que não se restringiram aos temas técnicos. O presidente Antônio Palácios, em sua manifestação final,  falou da honra que significou para o CRCRS ser protagonista dessa iniciativa inédita de reunir o maior evento da classe contábil gaúcha e o segundo maior do Brasil. Palácios também prestou homenagem às mulheres do Sistema CFC/CRCs precursoras do Encontro Nacional da Mulhe: Maria Constança Galvão, Vitória Maria da Silva, Marta Arakaki, Diva Gesualdi e Terezinha Falcão.

21752646_760695717453826_7563389570569256071_o19243304_760695720787159_5264732837992109084_o

Na cerimônia de encerramento, foram anunciados, ainda, os trabalhos científicos e técnicos que receberam a distinção dos Certificados de Mérito, concedidos pela Academia de Ciências Contábeis do Rio Grande do Sul e, respectivamente, pelos Comitês Científico e Técnico.21728916_760697017453696_7516945882677012425_o

XVI Convenção de Contabilidade do RS concede Certificado de Mérito a trabalhos científicos e técnicos

Ana Tércia

Dos  45 trabalhos inscritos, 36 foram selecionados para os anais, desses, 15 foram apresentados, e seis receberam o Certificado de Mérito da XVI Convenção de Contabilidade do RS, concedido pela Academia de Ciências Contábeis do Rio Grande do Sul e Comitê Científico. Entre os oito trabalhos técnicos inscritos, sete foram selecionados e, desses, três foram destacados com o Certificado de Mérito da ACCRGS e Comitê Técnico. O anúncio dos vencedores foi feito pela vice-presidente Ana Tércia Rodrigues, durante a cerimônia de encerramento do evento, no Serra Park, em Gramado.

Para o coordenador do Comitê Científico da Convenção, Prof. Dr. Clóvis Kronbauer, a quantidade de trabalhos submetidos tem se mantido a mesma nas últimas três convenções. Nessa edição da Convenção de Contabilidade do RS, houve destaque para as áreas temáticas de Contabilidade Gerencial e Contabilidade Pública.

“Atualmente, há um reflexo da formação dos professores, pois muitos estão buscando fazer doutorado, e isso reflete diretamente na formação do aluno e na produção científica, repercutindo favoravelmente, nos trabalhos que são submetidos na convenção”, afirmou o Prof. Kronbauer.

Foram premiados os seguintes trabalhos científicos:

ÁREA TEMÁTICA 1 – CONTABILIDADE HARMONIZADA ÀS NORMAS INTERNACIONAIS

Título: Ativo Imobilizado em empresas do setor industrial listadas na BM&FBovespa: uma análise da divulgação, segundo a NBC TG 27

Autoras: Roselaine Filipin; Cristiane Fátima da Rosa; e Maria Margarete Baccin Brizolla

 

ÁREA TEMÁTICA 3 – AUDITORIA E PERÍCIA

Título: Análise comparativa dos resultados das amostragens estatísitca e não estatística em trabalhos de auditoria em estoques

Autores: Sandro Augusto Bittencourt Martins; Renata Lúcia Basso; Adriana Gabbi; e Patrícia Rodrigues dos Santos

 

ÁREA TEMÁTICA 4 – CONTABILIDADE GOVERNAMENTAL E DO TERCEIRO SETOR

Título: A aderência da Lei de Acesso à Informação: um estudo dos municípios da microrregião de Passo Fundo-RS

Autoras: Sandra Regina Toledo dos Santos; e Dariele Nervo

 

ÁREA TEMÁTICA 6 – ÉTICA E RESPONSABILIDADE SOCIAL

Título: Relatório de sustentabilidade da GRI e Demonstração do Valor Adicionado: um estudo comparativo da distribuição de riqueza pelas empresas do segmento do novo mercado da BM&FBovespa, no ano de 2013

Autora: Gabriela Dias da Silva

 

ÁREA TEMÁTICA 7 – EDUCAÇÃO E PESQUISA EM CONTABILIDADE

Título: Autoeficácia e competências empreendedoras dos alunos de Contabilidade e sua relação com seus estilos cognitivos

Autores: Suzete Antonieta Lizote; Miguel Angel Verdinelli; e José Carlos Terres

 

ÁREA TEMÁTICA 8 – CONTABILIDADE GERENCIAL

Título: O impacto da forma de remuneração dos executivos no desempenho das empresas brasileiras de capital aberto

Autoras: Bianca Karoline Ahlert; João Zani

 

Os trabalhos técnicos que receberam o Certificado de Mérito foram:

Título: Holding como estratégia de planejamento sucessório e tributário em uma pequena empresa familiar da cidade de Candelária-RS

Autores: Laércio Rogério Friedrich e Valira Fiúza de Oliveira

 

Título: Análise das demonstrações contábeis da empresa Cielo S/A

Autores: Diana de Souza; Jardel Antonio de Marco; Felipe El Hajjar Meneghel; e Gabriela Bertoletti Johann

Título: Evidenciação e mensuração de ativos intangíveis em instituições financeiras: um estudo de caso no Banrisul

Autoras: Diana de Souza; Josiane Frizon, Jenaine de Azevedo; e Gabriela Bertoletti Johann

Título: Evidenciação e mensuração de ativos intangíveis em instituições financeiras: um estudo de caso no Banrisul

Autoras: Diana de Souza; Josiane Frizon, Jenaine de Azevedo; e Gabriela Bertoletti Johann

 

 

 

 

 

XI ENMC e XVI CCRS debate temas técnicos e sociais, no último dia do evento

Uma das reformas mais importantes em curso no País foi tema do painel “Reforma Tributária e Educação Fiscal – Receitas para um Brasil Melhor”, neste último dia do XI ENMC e XVI CCRS, no Serra Park, em Gramado. O deputado federal pelo Paraná, Luiz Carlos Hauly, relator do projeto de reforma tributária que tramita no Congresso Nacional, apresentou seu parecer, que propõe a redução do número de impostos e a simplificação radical do sistema para garantir competitividade ao setor produtivo. A implantação de um “imposto justo” é o que defende o auditor-fiscal, especialista em educação fiscal e presidente da Associação Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil (Unafisco), Kleber Cabral. Segundo ele, é necessária a implantação de uma nova arquitetura tributária, que ponha fim à sucessão de programas de refinanciamento das dívidas de grandes devedores. Também participou do debate o presidente do Sescon-RS, Diogo Chamun, para quem a reforma tributária deve ocorrer a partir de duas premissas: não aumento da carga de impostos e redução do tamanho do Estado. A mediação foi do vice-presidente de Fiscalização do CRCRS, Mário Karczeski.IMG_3413_REDUZIDA

Com a abordagem temática “Além da cerca”, a presidente da ONG Parceiros Voluntários, Maria Helena Johannpeter, e a jornalista do programa Profissão Repórter, da Rede Globo, Valéria Almeida, participaram do painel “Empreendedorismo Social: O outro como razão de ser”, moderado pelo presidente da Fundação Brasileira de Contabilidade, Juarez Domingues Carneiro. Valéria Almeida falou sobre como a ajuda de diferentes pessoas permitiu que ela revertesse o que chamou de “roteiro fadado ao fracasso”, na sua história de vida e que hoje usa a profissão para trabalhar pela inclusão de pessoas em situação de vulnerabilidade social. Comentando sobre o impacto causado na plateia pelo depoimento, Maria Helena Johannpeter destacou a importância da “emoção com resultados”, um modelo de organização adotado pela ONG que ela dirige e que congrega hoje 400 voluntários em todo o Estado.IMG_3452_REDUZIDAA inegável importância do dinheiro para a sobrevivência de todos nós e outros fatores que limitam a liberdade das pessoas de viverem apenas orientadas por suas emoções foram o tema do talk show “Razão e Emoção – Dilemas Contemporâneos”, apresentado pela jornalista Magda Beatriz, com a participação das escritoras Martha Medeiros e Cláudia Tajes, também roteirista de novelas da Rede Globo. Na avaliação de Martha, com a maturidade, as pessoas tendem a conviver melhor com suas emoções. Já Cláudia considera que são muitas as limitações para que se possa vivenciar plenamente as emoções.IMG_3395_REDUZIDAO presidente do CRCSP, Gildo Araújo, anunciou a palestra “A Magia dos Grandes Negociadores”, com o professor e head de estratégia profissional Carlos Alberto Júlio, quando, repentinamente, o auditório escureceu e a plateia foi surpreendida por uma sequência do filme Dom Juan De Marco, de Francis Ford Coppola. Logo que as cenas que retratam a sedução da protagonista por Dom Juan foram interrompidas, do meio do público o palestrante explicou o propósito do filme: “seduzir clientes é como seduzir mulheres, é preciso conhecer a pessoa.” Já no palco, Carlos Júlio deu dicas sobre como estabelecer o perfil do cliente para, a partir dele, traçar uma estratégia de atendimento individualizada.IMG_3444_REDUZIDA“Parem de falar mal da rotina” é o título do monólogo encenado pela poeta, jornalista, cantora e atriz Elisa Lucinda. Em um espetáculo vibrante e muito bem-humorado, ela contagiou o público presente, trazendo para o palco a vida cotidiana, vivenciada por pessoas de todas as classes sociais. O espetáculo foi apresentado pela vice-presidente de Gestão do CRCRS, Ana Tércia Lopes Rodrigues.IMG_3476_REDUZIDAA rastreabilidade de praticamente todos os movimentos dos seres humanos contemporâneos, tanto na vida profissional como fora dela, foi o alerta do jornalista, diretor e apresentador de televisão, Marcelo Tas, que ministrou a palestra “Inovação: A criatividade na era digital”. Para uma plateia atenta, ele relembrou passagens consagradas de sua carreira, como o personagem Ernesto Varela, um repórter que constrangia políticos brasileiros com perguntas desconfortáveis, e traçou uma trajetória do desenvolvimento tecnológico, desde a prensa de Gutemberg, e sua interferência no modo de viver das pessoas.IMG_3489_REDUZIDA

Encontro Geral de Delegados e coordenadores das comissões de estudos do CRCRS

Zulmir Breda, vice-presidente Técnico do Conselho Federal de Contabilidade ministrou palestra aos delegados e representantes das Comissões de Estudos do CRCRS, nesta sexta-feira, 15 de setembro, último dia de atividades do XI ENMC e XVI CCRS, no Serra Park, em Gramado. Ele falou sobre as atividades que realiza no CFC, em especial as relações com órgãos brasileiros e estrangeiros sobre a convergência às normas internacionais de contabilidade, com vistas a facilitar o ambiente de negócios do Brasil. O encontro contou também com um momento para os delegados trocarem informações sobre suas delegacias e esclarecerem dúvidas.IMG_3358_REDUZIDA

Diversidade de temas marca o segundo dia do XI ENMC e XVI CCRS

O segundo dia (14) do XI Encontro Nacional da Mulher Contabilista e XVI Convenção de Contabilidade do RS foi de apresentação de temas de grande interesse social. “Reforma Previdenciária – Você é contra ou a favor?” foi a discussão proposta pelo membro da Comissão de Direito Processual em Direito Previdenciário da OAB – Seccional Caxias do Sul, Anderson de Tomasi Ribeiro, e pela vice-presidente de Desenvolvimento Profissional e Institucional do CRCRN e membro do painel de especialistas em riscos previdenciários do Fiscal Affairs Department (FAD) do fundo Monetário Internacional (FMI), Liêda Amaral, com mediação do vice-presidente Técnico do CRCRS, Márcio Schuch da Silveira.
Reforma Previdenciária_140917Outro tema polêmico e que atraiu grande público foi o painel “Segurança Pública – Protegendo a Vida, o nosso maior patrimônio”, debatido pela tenente-coronel e vereadora de Porto Alegre, Comandante Nádia; o ex-secretário de Segurança do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame; e o juiz de Direito e Diretor do Foro de Lajeado, Luis Antônio de Abreu Johnson, com mediação da presidente do CRCRJ, Vitória Maria da Silva.Segurança Pública_140917O “Protagonismo Feminino no Ambiente Corporativo”, com a abordagem temática “Glass Ceiling – A desigualdade de gênero e o fenômeno do teto de vidro” discutiu as mais recentes pesquisas sobre o tema, com as participações da presidente da Abracicon, Maria Clara Cavalcante Bugarim; o professor e membro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, Silvio Parodi Camilo; e a presidente da Federasul, Simone Leite, com mediação de Márcia Alcazr, vice-presidente de Administração e Finanças do Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo.
Protagonismo Femninino_1Protagonismo Femninino_2A relação entre o avanço das tecnologias e a qualidade de vida foi tratada na palestra “Disrupção Digital em Business – Liderando a revolução”, pela escritora Martha Gabriel. A dependência do telefone celular, a necessidade de estar permanentemente conectado e o impacto desses hábitos na saúde das pessoas foi o viés usado pela palestrante.Disrupção Digital_140917No  painel “Formação de Lideranças na Política da Classe”, mediado pelo coordenador do Comitê Administrador do Programa de Revisão Externa de Qualidade (CRE) do CFC, Rogério Rokembach, a vice-presidente de Gestão, Ana Tércia Lopes Rodrigues, citou o caso das comissões de estudos do CRCRS, entre as quais surgiu o CRCRS Jovem. “Esses novos profissionais têm muito a ensinar a todos nós, com seu modelo colaborativo de trabalho”, afirmou, lembrando que esse novo paradigma inspirou até mesmo o lema do XI ENMC e XVI CCRS, “Compartilhando experiências, unido competências”. Também participaram o vice-presidente de Política Institucional do CFC, Joaquim Bezerra Filho, e o presidente do Sescon-SP, Márcio Shimomoto, que comentaram os projetos de formação de lideranças desenvolvidos por suas entidades.

Formação de llideranças“Compartilhamento como Oportunidade de Negócios”, reuniu a diretora de Recursos Humanos para Brasil e América Latina da EY, Elisa Carra, a diretora Nacional Executiva de Vendas da Mary Kay, Leila Palombini, e a delegada regional do CRCRS em Santa Maria e membro do G-Brasil, Simone Zanon, que apresentaram suas experiências profissionais com compartilhamento. As painelistas foram unânimes em reconhecer nesse sistema uma nova forma de comportamento capaz de proporcionar economia e felicidade aos envolvidos no trabalho. Simone Zanon apresentou o case do Grupo Brasil, idealizado pelo contador Ivan Carlos Gatti, que reúne 39 empresas de contabilidade de todo o País, que funcionam em rede, o que melhora o desempenho, a eficiência e a produtividade. A mediação foi da contadora Andréa Reolon, coordenadora da Comissão de Estudos do CRCRS Mulher.Compartilhamento como oportunidade de negóciosA executiva do Comitê de Diversidade e Inclusão da Microsoft, Lisiane Lemos, apresentou algumas ações da empresa para a diversidade, em especial, a inclusão de gênero. Foi no painel “Mulher: Poder, Intuição e Transformação nas Organizações”, moderado por Silvia Cavalcante, presidente do CRC-MT. Desde 2012, a Microsoft Brasil possui um Comitê de Diversidade e Inclusão, que teve “Mulheres” como seu primeiro pilar de debate. Nos últimos anos, a discussão se estendeu e, hoje, a empresa possui outros três pilares de atuação: PwD (Pessoas com Deficiência), BAM (Blacks at Microsoft) e LGBT+. Para a especialista em Gestão Estratégica de Pessoas, Andréa Saad, as mulheres estão assumindo novos papéis, tanto no mundo corporativo como social, sem deixar de lado a vida pessoal e doméstica. “Estas demandas contemporâneas, aliadas ao desejo de se posicionar e prosperar  em um mercado altamente competitivo, exige um desempenho cada vez maior, que elas vêm buscando por meio de qualificação constante e autodesenvolvimento”, afirma Andréa. O sócio e membro do Comitê de Diversidade e Inclusão da KPMG, Rogério Andrade, foi taxativo ao afirmar que todos ganham com a equidade de gêneros. Segundo ele, “o novo papel da mulher trabalhadora beneficia toda a sociedade e, tendo essa compreensão, a KPMG atua com vistas ao empoderamento das mulheres, na linha do movimento He for She, lançado pelo ONU em 2014.”Mulher_Poder_Intuição e TrasnsformaçãoNo último painel da tarde, “Pacto pelo Brasil: mais Controle, menos Corrupção”, moderado pelo vice-presidente de Relações Institucionais do CRCRS, Pedro Gabril Kenne da Silva, o superintendente da CGU/RS, Carlos Alberto Rambo, defendeu o trabalho em rede entre órgãos de controle, como forma de fortalecer a transparência. Jerusa Viecili, Procuradora da República do Ministério Público Federal, relatou sua experiência nas investigações da Operação Lava-Jato que, em 2015, lhe rendeu um prêmio do Global Investigations Review, um portal de notícias consolidado no cenário internacional como um dos principais canais sobre investigações contra a corrupção. O presidente do Observatório Social do Brasil, Ney Ribas, relatou brevemente a história do OSB, e destacou o papel do controle social, por meio do trabalho voluntário, como um valioso instrumento de contribuição para a lisura da gestão pública.Pacto pelo BrasilEmerson Melo, sócio-diretor da KPMG, que ministrou a palestra “Gestão de Riscos e Compliance nas Organizações”, moderada pelo conselheiro do CRCRS, Paulo Alaniz, considera que, a partir da Lei Anticorrupção, o aumento de exigências regulatórias têm desafiado as organizações a investir em estruturas mais eficientes para monitoramento e prevenção de riscos. Uma das consequências tem sido o aprofundamento do debate com vistas à construção de uma conduta ética  no meio empresarial.Gestão de Riscos e ComplianceTer consciência da própria respiração é uma excelente medicina para a cura da ansiedade. Essa foi uma das lições da monja zen budista Coen Roshi, para um auditório lotado, que acompanhou atentamente a palestra “Aprendendo a lidar com as emoções”, moderada por Maria Constança Carneiro Galvão, conselheira do CFC. De acordo com a monja, perceber-se é essencial para que o ser humano controle sobre suas emoções, e esse é um processo que começa pela respiração.Aprendendo a lidar com as emoções_Monja Coen_Conselheira Maria Constança

Encontro Geral de Delegados e coordenadores das comissões de estudos

Nesta manhã, também foi dada continuidade ao Encontro de Delegados e de coordenadores de comissões de estudo do CRCRS, com palestra do ex-presidente do Conselho, Rogério Rokembach, sobre o impacto do avanço das tecnologias no modo de trabalhar dos profissionais da contabilidade.

IMG_3204

 

 

Solenidade de abertura do XI ENMC e XVI CCRS impressiona pela sua beleza e excelência

No início da noite desta quarta-feira, 13 de setembro, o público de mais de três mil pessoas assistiu um grandioso espetáculo, cuidadosamente, preparado para a abertura do XI Encontro Nacional da Mulher Contabilista e XVI Convenção de Contabilidade do RS, no Serra Park, em Gramado. Já na chegada, o público foi recepcionado pela Orquestra Sinfônica de Gramado, sob a regência de Allan John Lino, que passeou por diferentes estilos musicais, com um repertório variado, empolgando a plateia._MG_2197 (Cópia)_MG_2187 (Cópia)A seguir, foi a vez do folclore rio-grandense, com coreografias apresentadas pela invernada adulta do Centro de Tradições Gaúchas Tiarayú.

_MG_2233 (Cópia)

Antecedendo a formação da mesa de autoridades, foi apresentado um vídeo com as retrospectivas do Encontro Nacional da Mulher Contabilista e da Convenção de Contabilidade do RS. Também se destacaram as interpretações da cantora Shanna Müller para o Hino Nacional e, no encerramento, o Hino Rio-Grandense, acompanhada por Felipe Barreto, ao violão.

IMG_5934

A mesa foi composta por Nei Ribas, presidente do Observatório Social do Brasil; Antônio Carlos Nasi, detentor da Medalha João Lyra; Álvaro Fakredin, subsecretário da Fazenda, contador e auditor-geral do Estado; Mário Berti, presidente da Fenacon; Maria Clara Bugarim, presidente da Abracicon; João Alfredo Bertolucci, prefeito de Gramado; José Martônio Alves Coelho, presidente do CFC; Maria Helena Sartori, primeira-dama do Estado, representando o governador José Ivo Sartori; Antônio Palácios, presidente do CRCRS; deputado Adilson Troca, representando o presidente da Assembleia Legislativa, Edegar Pretto; Ana Tércia Lopes Rodrigues, vice-presidente de Gestão do CRCRS; Elói Dalla Vecchia, presidente da Academia de Ciências Contábeis do Rio Grande do Sul; Juarez Carneiro, presidente da Fundação Brasileira de Contabilidade; Paulo Renato da Silva Paz, superintendente da Receita Federal no RS; e Idésio Coelho Júnior, presidente Ibracon

Dirigindo-se aos convencionais, o presidente Palácios agradeceu ao município de Gramado pela acolhida e salientou o desafio vencido pelo CRCRS ao realizar esse evento, reunindo profissionais de todo o País, com uma programação que transita pelos diversos segmentos da área contábil. Destacou o papel do Sistema CFC/CRCs, por meio da educação continuada, como caminho para a valorização profissional.

_MG_2302 (Cópia)Criada há 15 anos, a Academia de Ciências Contábeis do Rio Grande do Sul tem o propósito de divulgar o desenvolvimento filosófico e científico dos profissionais da área. O presidente da ACCRGS, Eloi Dalla Vecchia ressaltou o convênio de cooperação técnica com o CRCRS e a parceria com o CFC, que viabilizaram a realização de dois eventos importantes em um só: a Convenção de Contabilidade do RS, que é o maior evento da classe gaúcha, e o Encontro Estadual da Mulher, que é o segundo maior evento da classe contábil no brasileira._MG_2319 (Cópia)O prefeito de Gramado, João Alfredo Bertolucci, também se manifestou lembrando que o presidente Palácios carrega o título de embaixador de Gramado. A realização de um evento desse porte é muito significativa para a cidade, afirmou ele._MG_2320 (Cópia)A primeira-dama do Estado, Maria Helena Sartori, agradeceu a todos os profissionais da contabilidade do Rio Grande do Sul e, em particular, ao CRCRS, pelo apoio dado à campanha Escolha o Destino, que visa direcionar parte do imposto de renda devido de pessoas físicas e jurídicas aos fundos do idoso e Funcriança. Segundo Maria Helena Sartori, graças ao empenho dos profissionais e do Conselho, a arrecadação para o fundo vem crescendo gradativamente, mas o RS ainda retém apenas em torno de 4% do potencial de arrecadação.

_MG_2378 (Cópia)A  presidente da Abracicon, Maria Clara Bugarim, resgatou a história da evolução das mulheres no mercado de trabalho, por meio da educação e, em sua fala, prestou uma homenagem a personalidades femininas que se destacaram na contabilidade._MG_2372 (Cópia)O presidente do CFC, José Martonio Alves Coelho, se pronunciou nomeando as mulheres que presidem conselhos regionais de contabilidade, em todo o Brasil. Ele lembrou, também, que hoje dos cerca de 530 mil profissionais da contabilidade espalhados pelo Brasil, 227 mil são mulheres, e que a participação feminina vem crescendo no mercado contábil._MG_2381 (Cópia)Um momento muito especial da solenidade, foi a entrega do Mérito Contábil Contador Ivan Carlos Gatti ao técnico em contabilidade Rubilar José Bernardes, pela sua contribuição para a classe contábil._MG_2341 (Cópia)

TOP_8059 REDUZIDA

XI Encontro da Mulher Contabilista e XVI Convenção de Contabilidade do RS tem início hoje

Oficinas, palestras, workshops temáticos e a Feira de Negócios e Oportunidades deram início, na tarde desta quarta-feira, 13 de setembro, ao maior evento do calendário contábil: o XI Encontro Nacional da Mulher Contabilista e a XVI Convenção de Contabilidade do Rio Grande do Sul, realizados no Serra Park, em Gramado. Os dois eventos que acontecem simultaneamente se estendem até o dia 15. Palestras técnicas movimentaram a tarde, que, inclusive, contou com a exibição do filme “A Imagem do Profissional da Contabilidade”, comentado, em seguida, pelos coordenadores das Comissões de Estudos de Acompanhamento da Área do Ensino Superior, Marco Aurélio Barbosa, e do CRCRS Jovem, Juliano Abadie. A presidente da Academia Brasileira de Contabilidade (Abracicon), Maria Clara Cavalcante Bugarim, participou do debate.IMG_5628 IMG_5642Paralelamente à sessão de cinema, foi realizada a “Rodada de Conhecimento – Contabilidade Estratégica”, cujo objetivo era incentivar os profissionais a participarem, dando depoimentos de suas experiências e vivências. Para facilitar a dinâmica, a contabilidade gerencial foi dividida em cinco tópicos: gestão de fluxo de caixa, controles de gestão, gestão de empresas, indicadores de desempenho e planejamento de recurso corporativo (ERP). De acordo com a contadora Roberta Salvini, coordenadora da Comissão de Estudos de Contabilidade Gerencial, a iniciativa inovadora trouxe um resultado positivo.IMG_5435IMG_5486A auditoria independente também esteve em pauta no primeiro dia de evento, com a palestra de Mônica Foerster, conselheira do CRCRS, representante do Brasil na IFAC, diretora do Ibracon, com o tema “Atualização das Normas de Auditoria – Tendências Internacionais e Desafios para o Futuro da Profissão”. A contadora abordou aspectos como tecnologias, novas normas, concorrência, atração e retenção de talentos, que estão entre os desafios que impactam na auditoria.IMG_3416IMG_3415Também constou na programação, que antecedeu a cerimônia oficial de abertura do evento, o talk show sobre “A Importância da Gestão para o Sucesso das Empresas Contábeis”, com os presidentes do Sescon-RS, Diogo Chamun, do Sescon-Serra Gaúcha, Ronaldo Tomazzoni, e da Fenacon, Mário Berti. Na ocasião, os presidentes lançaram o Programa de Qualidade Contábil (PQC), de desenvolvimento das empresas contábeis sob o ponto de vista da gestão da qualidade. Durante o debate, eles destacaram o novo paradigma da gestão da qualidade, que demanda um contador atento à gestão como um todo e não apenas às questões meramente técnicas da profissão.TOP_6808IMG_5778O perito do Tribunal de Justiça de São Paulo e professor universitário, Paulo Cordeiro de Mello, ministrou a palestra “Perícia Contábil – Normas e Procedimentos Técnicos na Prática”, na qual falou sobre como as normas brasileiras de contabilidade auxiliam no desenvolvimento prático do trabalho pericial contábil. Segundo ele, aspectos relevantes quanto aos honorários periciais, busca de dados e documentos e, ainda, a preparação do laudo pericial e parecer técnico, estão detalhados nas normas e são importantes para a realização adequada do trabalho pericial contábil.

IMG_5790IMG_5814 “Estrutura conceitual para elaboração e divulgação de informação contábil de propósito geral pelas entidades do setor público”, também ganhou espaço na tarde do dia 13 de setembro. Ministrada pelo coordenador-geral de Normas de Contabilidade Aplicadas à Federação, do Tesouro Nacional, Bruno Ramos Mangualde, a palestra focou nos fundamentos relacionados ao registro contábil no setor público e os principais conceitos contábeis relacionados do setor, além das características qualitativas da informação contábil.IMG_6793

CRCRS promove Encontro Geral de Delegados em conjunto com Comissões de Estudos

O Encontro Geral de Delegados e de coordenadores das Comissões de Estudos do CRCRS, reuniu 102 delegados regionais e os 12 coordenadores das comissões, na tarde desta quarta-feira, 13 de setembro, nas dependências do Serra Park, antecedendo a abertura oficial da 16ª Convenção de Contabilidade do RS e 11º Encontro Nacional da Mulher, em Gramado. Na ocasião, o vice-presidente de Relações com os Profissionais, Celso Luft, acompanhado do presidente Antônio Palácios, deu posse ao novo delegado de Três de Maio, Edelmar Eloi Barasuol.IMG_3113_REDUZIDATambém prestigiaram o encontro o presidente do Conselho Federal de Contabilidade, José Alves Martonio Alves Coelho; a presidente da Abracicon, Maria Clara Cavalcante Bugarim; e os vice-presidentes de Gestão, Ana Tércia Lopes Rodrigues; de Fiscalização, Mário Karczeski; de Registro, Ricardo Kerkhoff; de Desenvolvimento Profissional, Magda Wormann; de Relações Institucionais, Pedro Gabril Kenne da Silva; e Técnico, Márcio Schuch da Silveira. O presidente do CRCRS, Antônio Palácios, dirigiu-se aos delegados, ressaltando a importância do trabalho que realizam para a interiorização do Conselho.TOP_6708 TOP_6663O encontro prosseguirá, com palestras do ex-presidente do CRCRS, Rogério Rokembach, na quinta-feira (14), e do vice-presidente Técnico do CFC, Zulmir Breda, na sexta-feira (15).

Desfile cívico de Erechim faz homenagem à Contabilidade e aos 70 anos do CRCRS

O desfile cívico do município de Erechim teve uma atração diferente, no 7 de setembro deste ano: o curso de Técnico em Contabilidade da Escola Estadual Haidee Tedesco Reali levou, para um público em  torno de 2.400 pessoas, a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a história da profissão contábil e dos 70 anos do Conselho Regional de Contabilidade do RS, com o tema A Evolução da Contabilidade. A iniciativa mostrou o trabalho do contador nos tempos antigos, apresentando  equipamentos utilizados e livros produzidos na época em comparação ao  momento atual de tecnologia e informações  digitais, além de levar ao conhecimento do público o papel e a atuação do CRCRS, ao longo dos seus 70 anos de atividades. A organização foi da professora e técnica em contabilidade Lourdes Raquel Donadel, com o apoio do diretor da escola, professor Darlan Dimorvan da Rocha. A conselheira Belonice Sotoriva representou o CRCRS no evento.

4BE887E5

IMG_4258 IMG_4266 E02C6901 IMG_4253 IMG_4246

Delegacia Regional de Panambi realiza palestras sobre Educação Financeira em escolas municipais

A Secretaria da Educação e Cultura de Panambi, sob a coordenação dos professores Romulo Fockink e Tarciana Wottrich, promoveu, no mês de agosto, palestras voltadas à Educação Financeira para  alunos do 8º  e 9º anos, nas escolas municipais Costa e Silva, 21 de Abril e Conrado Doeth. As palestras foram realizadas pelo delegado regional do CRCRS de Panambi, Getson Dhein, com base na “Cartilha Orçamento Familiar – Finanças organizadas, sonhos realizados”, elaborada pelo CRCRS.  

 Sendo um dos subprogramas do Programa de Voluntariado da Classe Contábil (PVCC), a Educação Financeira é voltada à orientação da sociedade para as questões relacionadas ao controle, planejamento e organização das finanças pessoais, buscando sensibilizá-las quanto aos riscos do endividamento pessoal e familiar e consumo consciente.

Delegado Getson Dhein e estudantes da Escola Municipal Costa e Silva, de Panambi

Delegado Getson Dhein e estudantes da Escola Municipal Costa e Silva, de Panambi

Estudantes da Escola Municipal 21 de Abril

Estudantes da Escola Municipal 21 de Abril

Palestra sobre Educação Financeira na Escola Municipal Conrado Doeth

Palestra sobre Educação Financeira na Escola Municipal Conrado Doeth