CRCRS é parceiro do MP-RS em campanha de incentivo à destinação de parte do imposto de renda devido aos projetos do Fundo Estadual para a Criança e o Adolescente

O contador José Carlos de Mello, integrante da Comissão de Estudos de Responsabilidade Social, e o diretor adjunto de Gestão Técnica, João Victor de Oliveira, representaram o Conselho, na manhã desta terça-feira, 10, em mais uma parceria com o Ministério Público do Rio Grande do Sul (MP-RS). Na oportunidade, o promotor da Infância e da Juventude de Porto Alegre, Frederico Schneider de Medeiros, apresentou um guia de orientação sobre como destinar parte do imposto de renda aos projetos sociais do Fundo Estadual para a Criança e o Adolescente (Feca-RS). O objetivo é estimular os cidadãos a destinarem até 6% do imposto de renda devido, por meio do compartilhamento do material em aplicativos de mensagens.

Também presentes, na ocasião, a vice-presidente do Cedica-RS, Ivonete Carvalho, e o secretário de Cidadania, Justiça e Direitos Humanos do RS, Catarina Paladini, dentre outros integrantes da pasta.

CRCRS encerra 2019 com VII Encontro de Peritos Contábeis

Em 6 de dezembro, o CRCRS realizou, por meio da Comissão de Estudos de Perícia Contábil, o VII Encontro de Peritos Contábeis, no auditório do Prédio 32 da PUCRS, em Porto Alegre. No evento, cinco especialistas apresentaram e debateram as atualizações no campo de perícia previdenciária, perícia prévia na recuperação judicial e cálculos trabalhistas.

Presidente Ana Tércia, juntamente com o vice-presidente de Registro, Juliano Abadie, e os integrantes da Comissão de Estudos de Perícia Contábil

Plateia lotada e atenta

Diante de um público formado por 250 profissionais da contabilidade, a presidente do CRCRS, Ana Tércia L. Rodrigues, e o coordenador da Comissão de Estudos de Perícia Contábil, Martin Lavies Spellmeier, procederam à abertura do evento, dando as boas-vindas e reforçando a relevância do evento para o segmento. Na oportunidade, a presidente lembrou também da importância de os profissionais da contabilidade orientarem e estimularem os contribuintes pessoas físicas a destinarem o limite de até 6% do imposto de renda devido aos projetos sociais dos fundos da Criança e do Adolescente e Fundo do Idoso. O prazo para retenção vai até 27 de dezembro.

Ana Tércia L. Rodrigues, presidente do CRCRS

Mártin Lavies Spellmeier, coordenador da Comissão de Estudos de Perícia Contábil

A palestra “Perícia Previdenciária”, ministrada pelo perito contábil em Processos Cíveis, Trabalhistas e Previdenciário, César Alencar da Silva, abordou, de maneira simples e sucinta, a perícia judicial, administrativa e extrajudicial. Ele citou os principais tópicos que foram base nos processos previdenciários e fez uma analogia considerando a comparação dos resultados entre o valor da aposentadoria antes e depois da reforma previdenciária. A contadora Regina Pedra, membro da Comissão, atuou como coordenadora.

César Alencar da Silva, perito contábil

As análises dos dispositivos legais aplicáveis na elaboração dos cálculos e na atuação do perito trabalhista foram apontadas na palestra do Dr. José Aparecido dos Santos, professor em cursos de especialização em Direito do Trabalho e Previdenciário, sobre os “Cálculos Trabalhistas e os desafios na interpretação do julgado.” A coordenação foi da contadora Ana Cláudia Santa Helena Pereira, integrante da Comissão.

José Aparecido dos Santos, professor em cursos de especialização em Direito do Trabalho e Previdenciário

Gabriele Chimelo, advogada da área de recuperação judicial, reestruturação empresarial e falências, e Eduardo Grangeiro, especialista em recuperação de empresas, contratos e responsabilidade civil, abordaram o tema “A perícia prévia na recuperação judicial e as principais modificações propostas para a lei 11.101/2005”. Ambos concordaram que, antes de permitir o processamento de uma Recuperação Judicial, é necessário identificar sinais flagrantes de inviabilidade da empresa postulante, desde inconsistências na documentação contábil até a própria verificação de inatividade. A mediação do painel ficou por conta do contador Edi Cristiano Siqueira, também integrante da comissão.

Gabriele Chimelo e Eduardo Grangeiro, advogados especialistas em recuperação judicial e de empresas

Por fim, o assunto tratado foi a nova era dos cálculos trabalhistas. Com as mudanças da lei, a folha de pagamento sofre alterações na hora de fazer os cálculos. Assim, a contadora Janaína Riegel, especialista em Perícia Judicial e Extrajudicial, reforçou o uso da ferramenta padrão criada pela Secretaria de Tecnologia da Informação do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região, a pedido do Conselho Superior da Justiça do Trabalho, para a elaboração desses cálculos e liquidação de sentenças. O objetivo é visar a uniformidade de procedimentos e confiabilidade nos resultados apurados”, comenta Janaína. O coordenador da comissão, Mártin Spellmeier, foi o moderador da palestra.

Janaína Riegel, contadora, e Mártin Lavies Spellmeier, coordenador da Comissão de Estudos de Perícia Contábil

 

Profissionais e empresas de Contabilidade necessitam se adequar às alterações de acesso ao Web Service da Receita Estadual para emissão de NF-e e NFC-e

Profissionais e empresas de contabilidade que acessam o Web Service dos Contabilistas (WS) da Receita Estadual devem confirmar, com urgência, se suas equipes de TI já efetuaram a troca das URLs por meio das quais o serviço é disponibilizado. O WS é o canal para emissão de NF-e (Nota Fiscal Eletrônica) e NFC-e (Nota Fiscal ao Consumidor Eletrônica). Em caso negativo, devem providenciar a troca o mais rapidamente possível, para evitarem a interrupção do serviço. As URLs antigas serão desativadas a partir do próximo dia 16 de dezembro. No momento atual, para permitir a troca, tanto a URL antiga quanto a URL nova estão disponíveis. Trata-se de uma mudança simples, pois os procedimentos e os leiautes permanecem os mesmos, e apenas o endereço (URL) pelo qual é acessado o WebService está sendo alterado.

Novas URLs

URL Nova / Produção: https://dfe-servico.svrs.rs.gov.br/WS/NFeIntegracao/NFeIntegracao.asmx 

URL Nova / Homologação: https://dfe-servico-homologacao.svrs.rs.gov.br/WS/NFeIntegracao/NFeIntegracao.asmx

URLs antigas, que serão desativadas

URL Antiga/Produção: https://nfe-rs-integracao.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/NfeIntegracao/NfeIntegracao.asmx

URL Antiga / Homologação: https://nfe-rs-integracao-hmle.sefazvirtual.rs.gov.br/ws/NfeIntegracao/NfeIntegracao.asmx

O WebService que disponibiliza os CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico) aos profissionais e empresas de contabilidade já foi construído nessa nova infraestrutura, não precisando ser modificado.

Fonte: Receita Estadual do RS

CRCRS promove III Encontro Geral de Delegados Regionais e Coordenadores de Comissões de Estudos

Realizou-se, sob a coordenação da presidente Ana Tércia, na tarde de 28 de novembro, na nova sede do CRCRS, o III Encontro Geral de Delegados Regionais e Coordenadores de Comissões de Estudos.

A presidente deu as boas-vindas aos delegados e coordenadores e apresentou algumas realizações e atividades desenvolvidas pelo CRCRS, durante o ano de 2019. Lembrou e enfatizou a importância dos profissionais da contabilidade nesse período de declaração de imposto de renda, no sentido de incentivar os contribuintes a destinarem parte do IR aos fundos da Criança e do Adolescente e do Idoso.

Ana Tércia L. Rodrigues, presidente do CRCRS

Num primeiro momento, a vice-presidente de Relações com os Profissionais, Elaine Strehl, apresentou ao grupo os novos delegados: Paulo Rogério dos Santos Araújo (Cachoeira do Sul), Ledijani de Matos (Torres), Suzan Elick (Ibirubá), Leandro Schmeling (Júlio de Castilhos) e Douglas Soares (São Jerônimo).

Novos delegados: Suzan Elik, de Ibirubá; Douglas Soares, de São Jerônimo; Leandro Schmeling, de Júlio de Castilhos; Ledijani de Matos, de Torres; e Paulo Rogério dos Santos Araújo, de Cachoeira do Sul, com a presidente Ana Tércia e a vice-presidente de Relações com os Profissionais, Elaine Strehl

Os coordenadores das comissões de estudos também foram chamados a se identificarem.

Coordenadores das Comissões de Estudos do CRCRS: Fabiano de Lima Webber (Setor do Agronegócio); Márcio Schuch Silveira, vice-presidente de Desenvolvimento Profissional; Mártin Lavies Spellmeier (Perícia Contábil); Denis Carraro (Contabilidade Gerencial); Patrícia Sostmeier (Contabilidade Aplicada ao Setor Público); presidente Ana Tércia; Cristiane Domingues de Souza (Responsabilidade Social); Cármen Tigre (CRCRS Mulher); Marcelo Sawerin (Auditoria Independente); Rodrigo Kich (Organizações Contábeis); e Gustavo Caletti (CRCRS Jovem)

Em seguida, foram anunciadas algumas novidades para o ano de 2020 e os vice-presidentes apresentaram as atividades de suas respectivas pastas.

A vice-presidente Elaine Strehl salientou o importante  papel desempenhado pelos delegados regionais, que fazem a conexão do CRCRS com cada profissional que atua no Estado.

Vice-presidente de Relações com os Profissionais, Elaine Strehl

O vice-presidente de Fiscalização, Paulo Comazzetto, fez um relato das ações realizadas pela Divisão de Fiscalização, destacando a Campanha de Combate ao Leigo, que busca proteger os profissionais contábeis e a sociedade dos prejuízos causados pela atuação de pessoas não habilitadas que atuam na área contábil.

Paulo Comazzetto, vice-presidente de Fiscalização

O Grupo de Trabalho sobre Simplificação Tributária foi enfatizado pela vice-presidente Técnico, Nádia Grasselli. Profissionais que enfrentam dificuldades ou têm sugestões em relação à legislação e simplificação de processos, podem entrar em contato com o GT, por meio do email simplificacaotributaria@crcrs.org.br.

Vice-presidente Técnico Nádia Grasselli

Os números relativos aos eventos presenciais e com transmissão on-line realizados pelo Conselho foram expostos pelo vice-presidente de Desenvolvimento Profissional, Márcio Schuch Silveira, que salientou a importância da participação dos profissionais no Programa de Educação Continuada para  a qualificação dos serviços prestados.

Márcio Schuch Silveira, vice-presidente de Desenvolvimento Profissional

Finalizando o encontro, delegados e coordenadores foram convidados a conhecerem as dependências da nova sede do CRCRS.

 

 

Profissionais têm até 20 de dezembro para apresentar justificativa de ausência na votação

Os profissionais que não votaram na eleição CRCRS realizada nos dias 19 e 20 de novembro, para renovação de 1/3 do plenário, devem apresentar a justificativa de ausência até 20 de dezembro. Estão dispensados, aqueles que estiverem em débito com o CRC até 08/11/2019 e os profissionais com 70 anos ou mais na data da eleição.

A justificativa deverá ser feita por meio do site www.eleicaocrc.org.br

Atenção: de acordo com a Resolução do CFC n.º 1.571/2019 “ao contador ou ao técnico em contabilidade que deixar de votar nas eleições dos Conselhos Regionais, sem causa justificada, será aplicada a pena de multa no valor correspondente a 20% (vinte por cento) da anuidade do técnico em contabilidade em vigor no exercício da realização da eleição”.

CRCRS prestigia entrega do Prêmio Carrinho Agas 2019

A presidente Ana Tércia participou, na noite desta segunda-feira, da 36ª edição do Carrinho Agas, realizada no Grêmio Náutico União, em Porto Alegre, com a presença de autoridades dos Legislativos e Executivos estadual e municipal, além de empresários e representantes de entidades. A premiação da Associação Gaúcha de Supermercados foi concedida a 42 empresas e personalidades que mais se destacaram e contribuíram para o crescimento da economia durante o ano.

Presidentes Antônio Cesa Longo, da Agas, e Ana Tércia L. Rodrigues, do CRCRS

Homenageados e o presidente da Agas, Antônio Cesa Longo

Entre as novidades da programação o presidente da Agas, Antônio Cesa Longo, destacou o prêmio Agas Jovem de Pai pra Filho, que homenageou três processos sucessórios considerados exitosos pelos supermercadistas, nas categorias Imprensa (Otávio e Alexandre Gadret, Rede Pampa); Indústria (Zildo, Paulo e Izabel De Marchi, Uniagro); e Personalidade Política (Ônix e Rodrigo Lorenzoni).

Otávio Gadret, Ana Tércia L. Rodrigues, Christina Gadret Jardim e Alexandre Gadret

Entrega do Prêmio Agas Jovem de Pai pra Filho, categoria Indústria, a Zildo, Izabel e Paulo De Marchi, da Uniagro

Valter Nagelstein, vereador; Jorge Gerdau Johannpeter, presidente do conselho de administração do Grupo Gerdau; Ana Tércia L. Rodrigues, presidente do CRCRS; Rodrigo Lorenzoni, deputado estadual que, juntamente com seu pai, Ônix Lorenzoni, chefe da Casa Civil da Presidência da República agraciado com o Prêmio Agas Jovem de Pai pra Filho, categoria Personalidade Política; e Eduardo Fernandez, presidente do Lide-RS

Seminário propõe debate em torno do mindset, novas tecnologias e contabilidade digital

O Seminário de Organizações Contábeis e Contabilidade Gerencial, realizado na tarde de 25 de novembro, no auditório do Sescon-RS, abordou o novo mindset na Era da Consciência, as novas tecnologias que vão transformar o mercado e a contabilidade digital.

Na cerimônia de abertura, manifestaram-se o vice-presidente Celso Luft, os coordenadores das comissões de Estudos de Organizações Contábeis, Rodrigo Kich, e de Contabilidade Gerencial, Denis Carraro, e a diretora do Sescon-RS, Patrícia Arruda.

Vice-presidente Celso Luft, na oportunidade representando a presidente Ana Tércia L. Rodrigues

A primeira palestra tratou do novo mindset na Era da Consciência, com a especialista em Psicologia Positiva e Formação de Lideranças, Karina Hofstatter. Ela explicou o processo de mudança da mente em relação à dinâmica do mercado, que hoje é volátil e incerto. Trouxe reflexões sobre as tendências do mercado, da nova linha de raciocínio de ver o mundo.

Karina Hofstatter

“As empresas, cada vez mais, vão exigir que se façam “entregas” diferentes para que se possa ter resultados diferentes, acrescenta Karina.

Edson Garcia Júnior, coordenador técnico do Comitê Permanente para a Revisão e Simplificação da Legislação Tributária, deu continuidade ao evento, apontando como as novas tecnologias, que vão transformar o mercado, andam paralelamente com a legislação.

Edson Garcia Júnior

“Estamos passando por uma reforma tributária que vai trazer um futuro contábil tributário diferente. É possível acreditar que, em determinado momento, toda a parte tributária  fiscal seja feita por meio de um app”, prevê Edson.

Flávio Ribeiro Júnior, Ricardo Bitencourt, Ricardo Kerkhoff e Rodrigo Kich.

Contabilidade digital também mereceu espaço para debate no Seminário. Flávio Ribeiro Júnior, delegado regional do CRCRS em Viamão e integrante da Comissão de Estudos de Tecnologia da Informação, apresentou as ferramentas que podem contribuir para o desempenho das organizações, além de demonstrar que pode-se conviver, com focos distintos, com a concorrência das chamadas “contabilidade on line”. Para exemplificar, Flávio trouxe dois convidados que expuseram suas experiências com os sistemas utilizados, Ricardo Bitencourt, também integrante da Comissão de Estudos de TI e o vice-presidente Ricardo Kerkhoff.

O Seminário, uma realização do CRCRS por meio das comissões de Organizações Contábeis e Contabilidade Gerencial, contou com transmissão ao vivo e pontuou para o Programa de Educação Continuada do CFC.

Comissão de Estudos de Contabilidade Gerencial

Comissão de Estudos de Organizações Contábeis

CRCRS prestigia evento comemorativo aos 87 anos do Sindicontábil de Passo Fundo

O CRCRS prestigiou evento comemorativo aos 87 anos do Sindicontábil, de Passo Fundo, em 22 de novembro. Na oportunidade, a presidente Ana Tércia procedeu à entrega do troféu Píndaro Annes à Academia de Ciências Contábeis do RS, representada pelo seu presidente, Eloi Dalla Vecchia, e ao delegado regional do CRCRS de Sarandi, Vilson Cesar Barichello. A distinção é uma homenagem àqueles que se destacaram na profissão ou na Ciência Contábil.

 

Presidentes do Sindicontábil, Gustavo Ferres; do CRCRS, Ana Tércia L. Rodrigues; e da Federacon-RS, Fernando Spiller, com o agraciado, delegado regional do CRCRS de Sarandi, Vilson Barichello

Presidente Ana Tércia entrega troféu Píndaro Annes para o presidente da ACCRGS, Eloi Dalla Vecchia, em companhia dos presidentes do Sindicontábil, Gustavo Ferres, e da Federacon, Fernando Spiller

A delegacia da Receita Federal do Brasil em Passo Fundo deflagra a Operação DeclaraGrãos

A delegacia da Receita Federal do Brasil em Passo Fundo realiza a primeira fase da Operação DeclaraGrãos nos municípios do norte gaúcho, tendo por objetivo apurar a provável ocorrência de sonegação de imposto de renda por parte de produtores rurais da região.

A operação teve origem na análise dos bancos de dados de notas fiscais eletrônicas emitidas por pessoas jurídicas adquirentes de produtos provenientes do exercício de atividades rurais. Por meio do cruzamento dessas notas fiscais com dados contidos nos sistemas informatizados da RFB, constatou-se a existência de quase 4.000 (quatro mil) contribuintes que, entre os anos-calendário de 2015 a 2018, deixaram de apresentar declarações de ajuste anual do IRPF. Esses teriam auferido receita tributável oriunda de atividades rurais em valores superiores àqueles tidos como mínimos para torná-los obrigados a sua apresentação (140.619,55 no ano-calendário 2015 e R$ 142.798,50 nos anos-calendários de 2016 a 2018).

Nos quatro anos abrangidos pela operação (2015 a 2018), identificou-se, apenas na região de circunscrição da DRF Passo Fundo, a omissão de receitas provenientes de atividades rurais que ultrapassam a cifra de R$ 4,7 bilhões. Estima-se que sobre esse valor deixaram de ser apurados quase R$ 130 milhões de imposto de renda a serem recolhidos aos cofres públicos, dinheiro que deveria ser parcialmente distribuído entre os municípios através do FPM.

Nessa primeira fase da Operação DeclaraGrãos foram enviadas correspondências a cerca de 600 (seiscentos) contribuintes, solicitando-se aos mesmos que verifiquem se não incorreram em alguma das diversas hipóteses que tornam obrigatória a apresentação de declarações de ajuste anual do IRPF par aos anos-calendário de 2015 a 2018 (execícios 2016 a 2019) e que, caso constatem efetivamente o descumprimento dessa obrigação tributária, providenciem, num prazo de 30 (trinta) dias, a transmissão das declarações eventualmente omitidas.

Fonte: Delegacia da Receita Federal do Brasil em Passo Fundo/RS – Superintendência da Receita Federal do Brasil na 10ª Região Fiscal