CRCRS participa de Solenidade de assinatura de convênios e parcerias para repasse de recursos do Fundo Estadual da Criança e do Adolescente

O vice-presidente de Desenvolvimento Profissional, Márcio Schuch Silveira, representou a presidente do CRCRS, Ana Tércia L. Rodrigues, na manhã desta quarta-feira, 5 de dezembro, durante a solenidade de assinatura de convênios e parcerias com recursos do Fundo Estadual da Criança e do Adolescente, no Palácio Piratini. Além do governador José Ivo Sartori, da secretária de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos, Maria Helena Sartori, e dos representantes das entidades beneficiadas, estiveram presentes à cerimônia o secretário estadual da Fazenda Luiz Antônio Bins, e a integrante da Comissão de Responsabilidade Social do Conselho, Silvia Grewe.

Luiz Antônio Bins, secretário estaudal da Fazenda; Silvia Grewe, integrante da Comissão de Estudos de Responsabilidade Social do CRCRS; Maria Helena Sartori, secretária do Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos; Márcio Schuch Silveira, vice-presidente de Desenvolvimento Profissional do CRCRS

A assinatura do edital do Fundo Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Feca), que celebra a parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos e organizações da sociedade civil, assegurou o repasse, pelo governo do Estado, de mais de R$ 1,9 milhões a 39 entidades. Os recursos irão permitir cerca de seis mil atendimentos diretos e 10 mil indiretos a jovens e crianças do Rio Grande do Sul.

Ao se manifestar sobre a importância do legado social para as próximas gerações, o governador agradeceu a colaboração do Banrisul, Famurs, Sescon-RS e do CRCRS, por meio do qual os profissionais da contabilidade foram convidados a estimular seus clientes para contribuírem com a Campanha Escolha o Destino. A campanha visa a destinação de até 6% do imposto de renda (IR) devido de pessoas físicas às entidades cadastradas nos conselhos municipais da criança e do adolescente e conselhos do idoso. As pessoa jurídicas que apuram o IR devido pelo lucro real podem destinar até 1% para o Funcriança e 1% para o Fundo Idoso.

Falando aos presentes, o governador destacou o papel dos profissionais da contabilidade na orientação dos contribuintes para colaborarem com a Campanha Escolha o Destino

Governador José Ivo Sartori

Secretária de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos Maria Helena Sartori