Impacto da Contabilidade no ambiente econômico dos municípios é tema de painel

O painel “Contabilidade impactando o ambiente econômico dos municípios” reuniu, na tarde desta terça-feira (22), o assessor-chefe de Ambiente de Negócios do Ministério da Economia, William Marchesi; o secretário municipal da Fazenda de Porto Alegre, Rodrigo Fantinel; e a presidente da JucisRS, Lauren Momback, na sede da AMRIGS. Sob a moderação do presidente do CRCRS, Márcio Schuch Silveira, o debate girou em torno de temas relativos à desburocratização e à melhoria do ambiente de negócios.

William Marchesi, assessor-chefe de Ambiente de Negócios do Ministério da Economia; Márcio Schuch Silveira, presidente do CRCRS; Lauren Momback, presidente da JucisRS; e Rodrigo Fantinel, secretário da Fazenda de Porto Alegre

Na abertura do painel, Márcio Schuch reiterou que o CRCRS atuará como avaliador das respostas dos municípios no projeto lançado pela Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec/ME), por meio da Secretaria de Advocacia da Concorrência (Seae), que vai aferir o Índice de Concorrência dos Municípios. Será avaliado, sistematicamente, o ambiente de negócios dos municípios brasileiros, que servirá de indicador para elaboração de programas e políticas direcionados a incentivar o empreendedorismo. Nesse sentido, os delegados representantes do CRCRS serão envolvidos.

William Marchesi abordou, entre outros aspectos, o Índice de Concorrência dos Municípios, que busca promover a concorrência entre os atores privados no município, ao disseminar práticas que diminuem a burocracia e os custos de se fazer negócios, o que melhora o ambiente e contribui para a geração de emprego e renda.

Os avanços da Junta Comercial, Industrial e de Negócios foram destacados pela presidente da JucisRS, Lauren Momback. Segundo ela, inovações como a implementação das assinaturas avançadas, serviços cem por cento digitais e o Tudo Fácil Empresas, são facilitadores importantes para agilizar a abertura de novos negócios.

O secretário da Fazenda, Rodrigo Fantinel comentou que as diretrizes de governo da Prefeitura de Porto Alegre têm sido direcionadas à melhoria das oportunidades de negócios. Lembrou, ainda, que a capital subiu no ranking nacional das cidades empreendedoras, atingindo o 6º lugar, em 2021.