Pela primeira vez, Alegrete sedia Seminário de Assuntos Contábeis

Durante o dia de hoje (30/11), em torno de 100 profissionais e estudantes da área contábil estarão reunidos na Urcamp para participar do Seminário de Assuntos Contábeis de Alegrete. A iniciativa, inédita no município, contou também com a participação do presidente do CRCRS, Zulmir Breda e dos vice-presidentes de Controle Interno, Célio Levandovski, e de Registro, Moacir Carbonera. Durante a abertura do evento, em que estiveram presentes diversas autoridades municipais das áreas contábil, empresarial e política, além de Delegados Regionais e Honorários de municípios da região, Breda destacou a importância da inserção dos Contadores e Técnicos em Contabilidade em cargos políticos. “Temos aqui em Alegrete, exemplos de que os profissionais da Contabilidade têm condições de, cada vez mais, estarem presentes em cargos de destaque, sendo eles eletivos ou não”, destacou, referindo-se ao secretário municipal da Fazenda, Breno Poitevin e à presidente da Câmara de Vereadores, Miriam Suhre, ambos com formação na área contábil. Ele ainda parabenizou os participantes por terem se planejado para prestigiarem o evento em uma data com muitas atividades profissionais como o último dia útil do mês.

Logo em seguida, a Contadora Marlene Bieger falou sobre Demonstração dos Fluxos de Caixa. Ainda na manhã de hoje está prevista a palestra Responsabilidade Social, com o contador José Carlos Garcia de Mello. À tarde, o seminário prossegue com os temas Marketing Contábil e EFD-ICMS/IPI – Sped Fiscal.

 

Reunião com representantes
No meio da manhã, o presidente e os vice-presidentes do Conselho se reuniram com representantes de entidades e órgãos alegretense para apresentar os programas da área da responsabilidade social desenvolvidos pelo Sistema CFC/CRCs, em especial o Programa de Voluntariado da Classe Contábil. Nesse sentido, o presidente Zulmir Breda enfatizou o projeto que visa destinar parte do imposto de renda devido à entidades vinculadas aos Conselhos dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica). A ideia teve boa receptividade entre os presentes, que contribuíram com sugestões de como a iniciativa pode ganhar força no município.