Presidente do CRCRS prestigia posse da nova mesa diretora da Assembleia Legislativa

O presidente do CRCRS, Márcio Schuch Silveira, e o vice-presidente de Fiscalização, Juliano Bragatto Abadie, prestigiaram a cerimônia de posse da nova mesa diretora da Assembleia Legislativa do RS, realizada na tarde da segunda-feira (31). No biênio 2022-2023, a Casa será presidida pelo deputado Valdeci Oliveira (PT).
Foto de Joaquim Moura/AL-RS.

Atenção para os prazos que se encerram em 31/01!

Profissional da contabilidade, fique atento!

Nessa segunda-feira, 31 de janeiro, encerram-se diversos prazos importantes. Será o último dia para:
– apresentar ao COAF a declaração de não ocorrência de operações suspeitas de lavagem de dinheiro ou financiamento ao terrosismo ;
– enviar a prestação de contas do Programa de Educação Profissional Continuada (PEPC);
– aderir ao Simples Nacional;
– aproveitar o desconto de 10% para pagamento à vista da anuidade de 2022.

CRCRS intensifica contatos institucionais

Nesta semana, a agenda do CRCRS foi marcada pelos contatos institucionais, para apresentação da nova diretoria e abordagem de temas de interesse dos profissionais da contabilidade.

Na terça-feira (25), pela manhã, o presidente Márcio Schuch Silveira, do CRCRS, esteve reunido com a presidente da JucisRS, Lauren Momback, na sede da Junta Comercial. Na oportunidade, além da apresentação da nova diretoria do Conselho, foram debatidas sugestões de ações conjuntas para aprimoramento dos serviços prestados à classe contábil. Também participaram do encontro o vice-presidente de Fiscalização, Juliano Bragatto Abadie, e o conselheiro do CRCRS Luis Fernando Azambuja, que atuam como vogais da JucisRS.

Lauren Momback, presidente da Jucis-RS; Márcio Schuch Silveira, presidente do CRCRS; Juliano Abadie, vice-presidente de Fiscalização; e Luis Fernando Azambuja, conselheiro do CRCRS

À tarde, foi momento de tratar sobre o alinhamento de ações conjuntas para a melhoria do ambiente tributário, com representantes da Secretaria Estadual da Fazenda. O subsecretário da Receita Estadual, Ricardo Neves Pereira, juntamente com seus adjuntos, Edson André Moura e Eduardo Jaeger; a chefe da Divisão de Relacionamento e Serviços, Raquel Krug Einsfeld; e o chefe substituto da Divisão de Relacionamento e Serviços, Daniel de Toledo Brito, ouviram as sugestões expostas pelo presidente Márcio Schuch Silveira, a vice-presidente de Desenvolvimento Profissional, Patricia Arruda, e a vice-presidente Técnica do CFC, Ana Tércia L. Rodrigues.

Reunião on-line entre CRCRS e Sefaz-RS

A abordagem de temas de interesse comum e a troca de ideias para a organização conjunta de eventos de capacitação também esteve na pauta da reunião entre a vice-presidente Patricia Arruda e o procurador da Fazenda Nacional Daniel Colombo Gentil Horn, chefe da Procuradoria da Dívida Ativa da 4ª Região. O encontro ocorreu na quarta-feira (26).

Procurador-chefe da Procuradoria da Dívida Ativa da 4ª Região, Daniel Colombo Gentil Horn, e vice-presidente de Desenvolvimento Profissional do CRCRS, Patricia Arruda

As demandas dos contadores públicos foram abordadas pelo presidente Márcio Schuch Silveira, em contato com o Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS). Recebido pelo diretor de Controle e Fiscalização, Bruno Alex Londero, e pelo coordenador do Centro de Gestão Estratégica de Informações para o Controle Externo (CGEX), Aramis de Souza, o presidente do CRCRS entregou um ofício com sugestões de melhorias para o ambiente contábil do setor público. As propostas foram elaboradas pela Comissão de Estudos do Setor Público do Regional, no período em que esteve sob a coordenação do conselheiro Cezar Mauss.

Márcio Schuch Silveira, presidente do CRCRS; Bruno Alex Londero, diretor de Controle e Fiscalização; e Aramis de Souza, coordenador do Centro de Gestão Estratégica de Informações para o Controle Externo do TCE-RS

Vice-Presidente Técnica do CFC fala da implementação das Normas de Gestão de Qualidade

Em participação no webinar intitulado “Normas de Gestão de Qualidade – atualização e benefícios da adoção”, promovido na manhã do dia 21, pelo Instituto de Auditoria Independente do Brasil (Ibracon), a vice-presidente Técnica do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), Ana Tércia, destacou que 2022 será um ano de concentração de esforços para implementação das Normas de Gestão de Qualidade.

De acordo com a vice-presidente, o CFC se empenhará no apoio e na capacitação dos profissionais da contabilidade para a adequada implementação das normas, conforme determina o cronograma previsto diretrizes.

O webinar tratou do  conjunto de Normas de Gestão da Qualidade, composto das NBC PA 01 ISQM 1,  NBC PA 02 ISQM 2 e NBC TA 220 R3 / ISA 22O.

Participaram das discussões Adriano Thome, diretor de Firmas de Auditoria de Pequeno e Médio Portes (FAPMP) do Ibracon; Ana Tércia, vice-presidente Técnica do Conselho Federal de Contabilidade (CFC); Idésio Coelho, membro do Board da International Federation of Accountants (Ifac); Rogério Rokembach, membro do Conselho de Administração (CA) do Ibracon e coordenador do Comitê Administrador do Programa de Revisão Externa de Qualidade (CRE); e Shirley Silva, diretora de Desenvolvimento Profissional do Ibracon.

Por Luciana Melo Costa
Comunicação CFC

EQT: listas de aprovados são publicadas no Diário Oficial

Os resultados são das provas específicas para auditores e peritos

Foram publicadas no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda (24), os editais com as listas dos aprovados, das provas específicas para auditores independentes, que terão registro no Cadastro Nacional de Auditores Independentes (CNAI),  e a lista dos aprovados para registro no Cadastro Nacional de Peritos Contábeis (CNPC).

Para o CNAI, o edital traz a relação dos aprovados nas provas específicas da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), do Banco Central do Brasil (BCB), da Superintendência de Seguros Privados (Susep) e da Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc).

As provas específicas  para registro de auditor no CNAI foram aplicadas  de 27 de setembro a 11 de novembro de 2021. Já para os profissionais interessados em obter registro de perito no Cadastro Nacional (CNPC), a prova aconteceu no dia 12 de novembro de 2021.

Confira abaixo a lista de aprovados

EQT – Perito Contábil

EQT – Auditores Independentes

Por Fabrício Lourenço
Comunicação CFC

XXXI Encontro de Contabilistas da Zona Sul debate LGPD, cruzamento de informações e inovação na profissão contábil

Nos dias 21 e 22 de janeiro, o CRCRS realizou, em parceria com  o Sindicato dos Contabilistas do Rio Grande e a ACCRGS, o XXXI Encontro de Contabilistas da Zona Sul – o mais longevo evento da contabilidade no Rio Grande do Sul, que teve lugar na Câmara de Vereadores de Santa Vitória do Palmar. A plateia, que reuniu profissionais e empresários contábeis da região, acompanhou o debate de temas de grande importância no atual contexto da profissão contábil: “LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados – Obrigações das Organizações Contábeis – Soluções de ponta a ponta”, pelo diretor de Negócios da Safeweb, Luciano Schewe; “Um Conselho, Uma Profissão e a Missão de Inovar para o Desenvolvimento da Contabilidade”, pelo vice-presidente Técnico do CRCRS, Marco Aurélio Barbosa; e “Cruzamento de Informações e seus Efeitos Fiscais”, com a empresária contábil e contadora Nádia Emmer Grasselli.

Na palestra de abertura do evento, na noite da sexta-feira (21), Luciano Schewe alertou sobre as providências e o cuidados a serem adotados pelas empresas contábeis, para cumprirem com segurança as exigências da LGPD.

Luciano Schewe, diretor Técnico da Safeweb

Na manhã de sábado (22), o vice-presidente Técnico do CRCRS, Marco Aurélio Gomes Barbosa, estabeleceu um diálogo com a plateia, sobre o Conselho e sua atuação em prol da profissão contábil e da sociedade. Os profissionais presentes participaram com diversas contribuições e questionamentos, culminando em quase duas horas de uma proveitosa conversa.

Marco Aurélio Gomes Barbosa, vice-presidente Técnico do CRCRS

Encerrando o evento, a empresária contábil Nádia Emmer Grasselli, ministrou palestra sobre o cruzamento de informações contábeis relacionado ao compliance tributário, enfocando a qualidade e a consistência das informações prestadas pelos profissionais da contabilidade.

Nádia Emmer Grasselli, empresária contábil

O encontro contou, também, com as presenças dos delegados representantes de Santa Vitória do Palmar, Taila Silveira Muniz, e de Rio Grande, Márcio Pereira das Neves.

Apoiaram a realização: Sescon-RS, Unicred, Fecontábil, Prefeitura Municipal de Santa Vitória do Palmar e Safeweb.

 

Simples Nacional | Comitê Gestor decide prorrogar até março prazo para empresas regularizarem dívidas

Em notícia do site do Ministério da Economia, foi divulgada a decisão do Comitê Gestor do Simples Nacional (CGSN), que aprovou nesta sexta-feira (21), a Resolução nº 164, que permite a regularização das pendências de débitos para adesão ao Simples Nacional, até o dia 31 de março deste ano, desde que a opção pelo Simples Nacional seja realizada até 31 de janeiro. Uma resolução com a nova data será publicada no Diário Oficial da União.
De acordo com o presidente do Conselho Regional de Contabilidade do Rio Grande do Sul (CRCRS), Márcio Schuch da Silveira, a medida é positiva e contribui para a retomada do desenvolvimento econômico, afetado pela pandemia, uma vez que vai permitir que os empresários tributados pelo Simples Nacional tenham mais tempo para se reorganizar, regularizando suas dívidas.
“Entretanto, é importante estar atento ao prazo de adesão ao Simples Nacional, que permanece em 31 de janeiro e não poderá ser alterado, uma vez que se trata de dispositivo previsto na Lei Complementar 123/2006”, alerta o presidente do CRCRS.
Clique aqui para saber mais.

Declaração de Não Ocorrência de Operações deve ser comunicada ao CFC até o dia 31 de janeiro

As Declarações de Não Ocorrência de Operações devem ser comunicadas ao Conselho Federal de Contabilidade (CFC) até o dia 31 de janeiro de 2022. As informações, referentes ao ano-base de 2021, devem ser transmitidas pelo site do Conselho, em concordância com a Resolução CFC nº 1.530/2017.

A comunicação de operações suspeitas deve ser realizada nos casos de identificação, na execução dos serviços contábeis, de operações ou propostas de operações que, após análise, possam configurar indícios da ocorrência de ilícitos ou operações em espécie, conforme Art. 6º da Resolução CFC nº 1.530/2017. Isso também vale para os casos de não identificação dessas ações ao longo do ano de referência. A não ocorrência de eventos suspeitos é comunicada no ano seguinte, no prazo de 1º a 31 de janeiro.

As ocorrências suspeitas de atividade ilícita devem ser comunicadas em até 24 horas após a tomada de conhecimento pelo profissional da contabilidade. Neste caso, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) fica responsável por examinar e direcionar as autoridades competentes.

Obrigatoriedade – O procedimento é obrigatório para os profissionais da contabilidade autônomos ou com vínculo empregatício, em uma empresa privada (de qualquer ramo ou tipo societário), e para os servidores de órgãos públicos, que prestam (ou trabalham com) serviço de contabilidade, consultoria, assessoria ou auditoria, independentemente se for responsável técnico ou não, além das organizações contábeis.

Estão dispensados dessa obrigação os profissionais da contabilidade com vínculo empregatício em organizações contábeis, trabalhos de perícia contábil, judicial e extrajudicial, revisão pelos pares e de auditoria forense e sócios ou titulares de organização contábil, desde que apresentem a declaração em nome da organização contábil (pessoa jurídica) e não prestem serviços contábeis como pessoa física.

Como fazer – Os profissionais e organizações enquadrados na obrigatoriedade da comunicação da Declaração de Não Ocorrência de Operaçõesdevem acessar o site do CFC, no link https://sistemas.cfc.org.br/Login/. O usuário deverá inserir login e senha para ingresso na plataforma.

Caso o usuário não tenha senha, deverá clicar em “Recuperar Senha”, preencher as informações solicitadas pelo sistema para a confirmação de identidade e, em seguida, uma senha provisória será encaminhada para o e-mail do profissional e/ou da organização contábil.

Para mais informações sobre Declaração de Não Ocorrência de Operações e respectivo procedimento de comunicação, acessar o link https://cfc.org.br/coaf/.

Por Luciana Melo Costa
Comunicação CFC

CRCRS empossa novos conselheiros e ouvidora

A reunião do Conselho Diretor, realizada em 19 de janeiro, foi marcada pela posse de quatro novos conselheiros, com mandato de 2022 a 2025: Tairo Rolim Fracasso (titular) e os suplentes Magda Wormann, Diego Luciano Fraga e Vinícius Schneider. Eles não puderam estar presentes na cerimônia do dia 5, em que foi empossada a nova diretoria do CRCRS.

Presidente Márcio Schuch Sivleira e conselheiro Tairo Rolim Fracasso

Conselheiros Suplentes: Magda Wormann, Diego Fraga e Vinícius Schneider

No dia seguinte (20), durante a sessão plenária de janeiro, a conselheira Cristiani Fonseca de Souza foi reconduzida à Ouvidoria do CRCRS. A Técnica em Contabilidade já respondeu pela Ouvidoria da entidade, nas gestões 2018-2019 e 2020-2021.

Conselheira Cristiani Fonseca de Souza, ouvidora do CRCRS

A Ouvidoria, agora integrada no âmbito das Ouvidorias do Sistema CFC/CRCs, é um canal de comunicação por meio do qual o cidadão pode encaminhar ao CRCRS suas sugestões, elogios, solicitações, e reclamações sobre os diversos serviços prestados pelo Sistema CFC/CRCs.

A atuação da Ouvidoria segue as diretrizes da  Lei nº 13.460/2017  e  Resolução CFC nº 1.544/2018 .